Quando escrevo sinto a vida asfixiando a morte!



Marluce Freire Nascasbez


Charme? Caráter? Fosse o que fosse, ela tinha isso.


Virginia Woolf



quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

A bruxinha

.
.





A bruxinha de mau humor,

Varreu as estrelas do céu!



Deixou a lua tão triste,

Que ela



C








                              A











                                                                          IU




Do céu!





Juntei todas as estrelinhas

E devolvi ao céu!



E a lua tão pesada,

Em uma fase daquelas,

Esborrachou-se no chão!



O que eu faço

Para pôr a lua no céu,

Se a bruxinha tacou-me a vassoura



E                   v a r        re         u          -me     do                  papel!







Marluce Freire Nascasbez





Sou fã das bruxinhas Madame Mim e Maga Patalógica

.
.



























.

Nenhum comentário:

Postar um comentário