Quando escrevo sinto a vida asfixiando a morte!



Marluce Freire Nascasbez


Charme? Caráter? Fosse o que fosse, ela tinha isso.


Virginia Woolf



quarta-feira, 30 de março de 2011

.
.

.
.


.
.


Quando eu morrer,
Na falta de uma vela,
Pode acudir-me com uma caneta!
Para mim, ela possui o mesmo efeito da luz!




Marluce Freire Nascasbez
.
.

15 comentários:

  1. Bravo! Em poucas palavras disse tudo! Escrever é estar iluminado.
    Parabéns pelo maravilhoso resumo!
    Uma noite maravilhosa e um dia memorável

    ResponderExcluir
  2. ... E me escrevam cartas!

    Um abraço,

    Suzana/LILY

    ResponderExcluir
  3. Marluce,


    Que lindo isso !
    Sem dúvida , suas palavras são pura luz ...


    Bjo e um Dia de Paz.

    ResponderExcluir
  4. unos bonitos versos ...un placer visitarte
    besinoa
    Marina

    ResponderExcluir
  5. Oi Marluce então você é uma poetisa. Amo poesias e por isso amei o seu blog´e já me tornei seguidora.
    bjs
    http://ursulinodecor.blogspot.com

    P.s Fiquei feliz com sua visita, só falta voltar lá mais e vezes e deixar o seu rostinho registrado nos seguidore. Ah! Volta vai.

    ResponderExcluir
  6. Sem duvida minha amiga, são lindas as sua palavras, pocas e falam tudo. Beijos

    ResponderExcluir
  7. Hola bello blog íntimas y leales entradas,si te gusta la palabra en el tiempo,la poesía, te invito al mio,será un placer,es,
    http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com/
    gracias, buen viernes, besos cómplices...

    ResponderExcluir
  8. Que emocionante, Marluce! Belíssimo.

    ResponderExcluir
  9. Oi Marluce!
    Amo poesias.. Não vivo sem uma boa leitura.. Mas não tenho esse dom da escrita... Então contento-me com a emoção transmitida pelas almas do poetas. A dorei o seu blog!! Já me encantei com as suas palavras ricas em sensibilidade e emoção!
    Bjusss

    ResponderExcluir
  10. Uma poetisa verdadeira so poderia pensar assim...!

    beijo-te !

    ResponderExcluir
  11. A caneta em tua mão será apenas o pavio que radiará o encanto de teus versos, iluminando quem vier lê-los.
    Abç

    ResponderExcluir
  12. Que lindo Marluce!!!
    A caneta para você é realmente um instrumento de Luz, espalhando luminosidade para TODOS!!

    Bons Sonhos minha querida...
    Muita LUZ!!!!

    ResponderExcluir
  13. COMO PARTICIPAR NAS EDIÇÕES DO EPISÓDIO CULTURAL?
    O Fanzine Episódio Cultural é um jornal bimestral sem fins lucrativos, distribuído gratuitamente no sul de Minas Gerais, São Paulo (capital), Salvador-BA e Rio de Janeiro. Para participar basta enviar um artigo sobre esporte, moda, sociedade, curiosidades, artesanato, artes plásticas, turismo, biografias, livros, curiosidades, folclore, saúde, Teatro, cinema, revistas, fanzines, música, fotografia, mini contos, poemas, etc.
    Contato: Carlos (editor)
    machadocultural@gmail.com
    http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com
    Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=1464676950&ref=profile
    VEJA O FANZINE EPISÓDIO CULTURAL NA FEIRA DO LIVRO DE POÇOS DE CALDAS 2011
    http://www.feiradolivropocosdecaldas.com.br/
    GOSTARIA DE DIVULGAR SEUS POEMAS, ARTIGOS, CONTOS, ETC, NO MEU FANZINE EPISÓDIO CULTURAL (Edição impessa)? Envie seus textos e fotos para machadocultural@gmail.com

    ResponderExcluir