Quando escrevo sinto a vida asfixiando a morte!



Marluce Freire Nascasbez


Charme? Caráter? Fosse o que fosse, ela tinha isso.


Virginia Woolf



sábado, 4 de junho de 2011

Do azul!









Pássaro azul



Pedacinho do azul que



C

a







í









u



do céu!






 


Marluce Freire Nascasbez
.
.

2 comentários:

  1. E que tudo fique azul minha querida!

    Da cor do céu!

    Um beijoooo!

    (Um friooo aqui na minha cidade, que mal consigo teclar rs)

    ResponderExcluir
  2. Podem cair muitos para nos encantar porque o céu se recomporá.
    Bjs.

    ResponderExcluir